Duas equipas que se cruzam num dia importante para o FC Vizela

Fátima Anjos

2022-09-22

Partilhe:


Com um FC Vizela em processo de mudança de SAD, é chegado o momento de, enquanto vizelenses, prestarmos também a nossa homenagem aos que agora se despedem do clube e que lideraram esta equipa de trabalho e falamos nomeadamente de Diogo Godinho e Gonçalo Moreira, eles que aos poucos aprenderam a ler aquele que é o sentimento do povo desta terra pelo seu clube e, por isso, mantiveram a sua identidade num projeto que conduziu o FC Vizela ao principal escalão de futebol português.
Estou certa de que os seus nomes se eternizarão não só na história do clube mas também na da cidade, onde fizeram questão de se integrar e se envolver. Por isso, para eles, este momento de despedida também não deve ser nada fácil. 
Também estou certa de que o nome Vizela jamais se apagará das suas memórias, nunca esquecerão, certamente, a noite em que desfilaram de trio elétrico pelas ruas desta cidade recebendo as ovações de milhares de vizelenses que festejaram o regresso do FC Vizela à 1º Liga, 36 anos depois.
São ainda muito jovens, nas suas vidas cruzar-se-ão, com certeza, com muitos outros projetos. Mas a nossa experiência vai confirmando de que uma vez ligado a Vizela e às suas causas dificilmente se esquece os traços de um povo que sabe receber como ninguém mas que também bate o pé quando reivindica para a sua terra. 

Boa sorte para ambos e para todos aqueles que agora partem do FC Vizela rumo a outros projetos.

Se há quem esteja de saída, há também quem esteja de chegada. Joaquim Ribeiro e Pedro Rodrigues são os administradores da nova SAD e que agora tem nas mãos a responsabilidade de manter e, se possível, elevar ainda mais o patamar onde se encontra hoje o FC Vizela. Boa sorte também para nova equipa. 

Já saberão que poderá faltar muita coisa, mas nunca o apoio dos vizelenses. Com eles, poderão contar sempre. Tal como deverá acontecer com a estrutura diretiva do clube, liderada pelo presidente Eduardo Guimarães.