Viatura mal travada avança e destrói Quiosque Fandino

Joaquim Pereira, proprietário do Quiosque Fandino, em Moreira de Cónegos, não ganhou para o susto. Esta manhã, pelas 09h00, estava a atender um cliente quando um automóvel entrou no quiosque. Por sorte ninguém ficou ferido. O cliente que estava a atender era, precisamente, o dono da viatura. “Ele tinha estacionado ao pé do banco, ele disse que travou a viatura, mas o que é certo é que ela veio por aí abaixo e entrou pelo quiosque, por muita sorte, nem eu nem ele nos aleijámos”, disse, à Rádio Vizela.

“Não deu para o susto, parecia que rebentou uma botija de gás”, referiu. Entretanto, ainda esta manhã, Joaquim Pereira teve de pedir auxílio para minimizar os estragos: “Tive de chamar dois senhores da construção civil para colocarem a parede direita, senão teria de ficar aqui toda a noite e não sei se vão conseguir arranjar isto, o que é certo é que tenho o quiosque completamente destruído. Não será fácil que consiga nos próximos dias abrir o quiosque, tenho a máquina de jogos da Santa Casa que partiu, terão de pôr outra máquina nova, computadores destruídos, e isso demora o seu tempo.

O dono da viatura, que é cliente habitual do quiosque, “ficou de participar a situação ao seguro”. “Mas leva o seu tempo, teria de esperar pelo perito, mas não esperei, porque tive de chamar os homens para compor isto, não podia ter isto tudo aberto”, explicou.

PUB___