Richard Ofori é a primeira contratação do FC Vizela

Jogador que representava o Fafe volta a encontrar-se com Álvaro Pacheco

O defesa-esquerdo ganês de 27 anos de idade assinou um contrato válido para as próximas duas temporadas desportivas, tornando-se, assim, no primeiro reforço do clube, neste regresso à 2ª Liga.

Trata-se de um jogador com experiência de campeonatos profissionais, que foi considerado por muitos como um dos melhores desta última edição do Campeonato de Portugal, integrando, por exemplo, a equipa do ano da competição, difundida na imprensa.

Richard Ofori chegou ao continente europeu em 2011 para concluir a sua formação desportiva no Charleroi, onde, ainda júnior, se estreou na equipa principal dos belgas.

Seguiu-se uma experiência nos alemães do Kaiserslautern e um regresso à Bélgica para alinhar no Lierse, da Liga Jupiler, divisão maior daquele país.

Em 2013, viajou em definitivo para Portugal, mais concretamente para Aveiro, onde representou o Beira-Mar na 2ª Liga. Dali, saltou para Coimbra, onde teve a oportunidade de jogar nos grandes palcos da 1ª Liga ao longo de duas épocas, entre 2014 e 2016.

O Sporting da Covilhã foi o emblema que se seguiu, desta vez na 2ª Liga, num ano em que viria a cruzar-se pela primeira vez com o FC Vizela. Aconteceu na primeira volta da prova, tendo alinhado os noventa minutos de um jogo que terminou empatado a uma bola.

As últimas três épocas foram passadas em Fafe, crónico rival dos vizelenses.  Pelos fafenses, o defesa-esquerdo realizou 75 encontros. Em Vizela, reencontrará Álvaro Pacheco, que o treinou em Fafe, e, também para o próprio, este será um regresso desejado à II Liga.

Ao envergar a nova camisola, Richard Ofori confessou que a intervenção do treinador Álvaro Pacheco foi decisiva: “Eu admiro a equipa há bastante tempo, mas nunca pensei jogar cá até o mister chegar. Aí sim, eu sabia que poderia representar o FC Vizela”, referiu.

Mostrando a sua humildade, quando questionado sobre como se define como atleta, o ganês deixou isso para quem o vê jogar: “Como me caraterizo? Deixo isso para os adeptos decidirem, mas sei que tenho as minhas capacidades”, respondeu.

A Liga Pro é um desafio exigente e, para isso, promete muito trabalho: “Eu acredito no trabalho duro, por isso, trabalharei muito para ajudar o clube a alcançar os objetivos”, destacou. “Eu prometo que darei o meu melhor para ajudar o clube. Contamos que os adeptos possam vir em grande número para nos apoiar. Juntos, vamos conseguir algo”, assim deseja Richard Ofori para esta nova aventura com o emblema da Rainha das Termas ao peito.