Gabriel Bastos passou por Vizela na campanha do PS

Gabriel Bastos, atual secretário de Estado da Segurança Social, veio a Vizela expressar o seu apoio à candidatura do PS/Vizela Sempre. Sobre o candidato à Câmara, Victor Hugo Salgado, elogiou a “visão para uma sociedade mais inclusiva e socialmente mais justa”.

Em declarações à Comunicação Social, no final de um almoço, Gabriel Bastos salientava a troca de “impressões construtivas” e registava “da parte de Victor Hugo Salgado um empenho muito grande em trabalhar em rede, com as Misericórdias e as Instituições Particulares de Solidariedade Social, para garantir que aqueles que são mais vulneráveis possam usufruir das oportunidades da construção de uma sociedade mais próspera”. Referiu que foram abordadas “um conjunto de medidas da parte do Governo que estão em perspetiva, a construção de estratégias de combate à pobreza, estratégias no âmbito da promoção de uma agenda de trabalho digno, e esta rede com o poder local é fundamental”, frisava Gabriel Bastos que, pela primeira vez, se deslocou a Vizela.

Na área social, sabemos que a AIREV aguarda o resultado de uma candidatura para financiamento da construção da sua nova sede e que a Misericórdia vizelense pretende requalificar o Instituto Silva Monteiro numa estrutura para pessoas idosas e para a infância. Aproveitando a presença do secretário de Estado da Segurança Social, a Rádio Vizela questionou sobre se há desenvolvimentos em torno destes projetos. Gabriel Bastos admitiu que estes dossiês foram abordados no almoço, no entanto não há novidades a apresentar em torno destes objetos. “Não tenho neste momento novidades, são avaliações que estão em curso”, afirmou.

Já o candidato à Câmara Municipal pelo PS/Vizela Sempre salientou os projetos na área social que serão para ter continuidade, caso vença as eleições no domingo, e destacou as 90 habitações sociais que estão já protocoladas, mas também a aposta de alargamento da rede de creches, com a unidade que surgirá no Instituto Silva Monteiro, explicou Victor Hugo Salgado: “Sabemos que o senhor primeiro-ministro disse publicamente que o investimento em creches é essencial, daí que é nosso objetivo criar condições para que haja capacidade de resposta e um dos nossos objetivos, de acordo com o projeto que apresentámos ainda durante este mandato relativamente ao Instituto Silva Monteiro, é que surja aí uma nova unidade”.

 

PUB___