FC Tagilde quer inverter ciclo e sair da última posição

Direção e treinador procuram dotar a equipa de mais opções para a segunda volta do campeonato

O FC Tagilde fechou a primeira volta da Série C da Divisão de Honra da AF Braga na última posição da tabela classificativa. A época tem sido difícil para esta formação, recém-chegada a esta divisão, após poucos anos no futebol Distrital.

Tem sido uma temporada com oscilações e com a equipa a denotar em muitos dos jogos que não consegue manter as vantagens conseguidas. Segundo o treinador Marco Rodrigues é a inexperiência do plantel, com muitos jogadores que vêm do tempo do Futebol Popular, que tem custado algumas derrotas e pontos. “Estou contente com o grupo que tenho, mas sei que é um grupo inexperiente para uma Divisão de Honra e isso paga-se caro”.

Há por esta altura a intenção de reforçar a equipa para a segunda volta do campeonato, dotá-la de outras armas, para que os resultados positivos sejam uma realidade, no entanto, o treinador recorda a dificuldade de angariar jogadores a custo zero.  

“Como o Tagilde não remunera nenhum jogador é mais difícil trazê-los para cá. Se queremos um jogador do Pró Nacional que venha ser uma mais-valia para este grupo, temos que o pagar. Estamos numa luta há algum tempo para ver se conseguimos contratar três ou quatro jogadores, mas não está fácil. Eu e o presidente temos feito um grande esforço, para ver se conseguimos ter mais opções, mas pedem-nos valores insuportáveis para o clube”.

Entretanto, nos próximos dias será inscrito um novo jogador proveniente das camadas jovens do FC Vizela. “Para a semana vamos inscrever um jogador que foi formado no FC Vizela, mas que vem de uma lesão e ainda está a recuperar. Ainda tem que trabalhar muito para voltar à competição”.

Com todas as dificuldades o treinador garante estar de consciência tranquila, pela posição da equipa, que não se deve a falta de trabalho. “Por tudo isto, estou de consciência tranquila pelo que tem sido feito no clube. Trabalhámos muito e entristece-me que não consigamos somar mais pontos, mas o objetivo é continuar a apostar no trabalho e no processo, para ver se as coisas melhoram e nós consigamos sair desta posição na tabela classificativa”.

A segunda volta da Série C da Divisão de Honra da AF Braga, começa este sábado em casa, a receção ao Prazins e Corvite está marcada para as 15h00.

PUB___