Direção do Moto Clube de Vizela apresentou demissão em bloco

Romeu Osório presidente demissionário remete para Assembleia Geral justificação para a decisão

Demitiu-se em bloco a direção do Moto Clube de Vizela. O anúncio foi feito nas redes sociais do clube, onde não é apontada qualquer justificação para este desfecho. Na nota fica a informação que a demissão será oficializada em Assembleia Geral Extraordinária, marcada para 08 de outubro, às 21h00 e que servirá também para a apresentação de contas e para a apresentação de novas listas para a direção.

Contactado esta manhã pela Rádio Vizela, o presidente demissionário Romeu Osório, remeteu declarações sobre a demissão para a Assembleia Geral. No entanto, é de prever que a sua decisão tenha a ver com algum desgaste, por falta de apoio e de envolvência dos associados nas atividades do clube, situação já manifestada em entrevistas à Rádio Vizela, por altura da Concentração do clube em junho passado.

Recorde-se que esta direção assumiu funções em tempos de pandemia em 2021 e tinha vindo a revitalizar o clube, com a realização de várias atividades, numa altura em que comemora 20 anos de existência.

A direção que agora se demite em bloco é composta por 11 elementos. Romeu Osório é o presidente da direção, tendo a seu lado Carlos Lopes, como vice-presidente. O Tesoureiro é José Lopes, o Secretário André Ferreira e os Vogais: Horácio Silva, Filipe Fernandes, Joaquim Gonçalves, Joaquim Cardoso.

A Assembleia Geral é liderada por Rogério Costa, sendo o Secretário Vítor Freitas. Já o Presidente do Conselho Fiscal é Joaquim Lopes. 

PUB___