PS apresentou medidas para Economia e Urbanismo

PS Vizela apresentou ontem em Santa Eulália, as medidas para Emprego, Economia e Inovação mas também Urbanismo.

A apresentação foi da responsabilidade dos mandatários setoriais. Na área da Economia falou Sara Teixeira, indicando como principais preocupações a criação de emprego e a fixação de jovens no concelho. Nesse sentido, a sua candidatura propõe-se a criar o Conselho Municipal para o Desenvolvimento Económico e a Agência para o Investimento em Vizela. “Não basta querer que os investidores invistam cá. É preciso criar condições para que isso aconteça”, destacou a jovem. Mas Sara Teixeira falou ainda do Centro de Acolhimento a MicroEmpresas, do Gabinete de Apoio ao Empreendedorismo, da Agência para o Investimento e de um programa de apoio a iniciativas empresariais e económicas de interesse municipal para atrair novos projetos de investimento, através de novas políticas fiscais. Ainda na área da Economia, os socialistas propõem-se a implementar uma nova metodologia no licenciamento dos projetos de investimento e a apoiar a criação de áreas de localização empresarial com incidência para pequenas e médias empresas, criando também uma Plataforma de Emprego que cruze a oferta com a procura e promova a formação profissional. Além da criação da “Vizela Marca”, a candidatura socialista entende ainda como necessários o apoio ao comércio tradicional e a dinamização do setor agroindustrial.

Melhorar condições de acesso e estacionamento junto à Estação da CP

Já sobre o Urbanismo e as Acessibilidades falou Joana Malheiro: “Pretendemos elaborar o Plano de Valorização e Reabilitação Urbana do Centro da Cidade, incentivar o aumento do parque habitacional a preços controlados através de medidas de fiscalidade e parcerias de regeneração urbana e concretizar as ações do Plano de Ação de Regeneração Urbana já aprovadas com destaque para a requalificação da Praça da República e Jardim Manuel Faria”. A mandatária fez ainda referência a um estudo para a criação do cemitério municipal, à agilização da Via Verde, à revisão do PDM e também ao atendimento ao Munícipe na área do Urbanismo nas Juntas de Freguesia. Caso vença as próximas Autárquicas, o PS Vizela propõe-se ainda a definir a estratégia de contenção no Regato de Passos e a redefenir a rede de saneamento do centro da cidade. Mas fala ainda na reabilitação da Ponte Nova, na melhoria de acesso à A11 e na promoção de melhores condições de acesso e estacionamento junto à Estação da CP.

Quantificação e calendarização dos projetos anunciados

“Vamos quantificar valores para cada uma das execuções previstas, traçando também a sua calendarização. Não queremos falar por falar e não somos como alguns que apresentam propostas, sabendo que, à partida, não têm a mínima possibilidade de serem executadas”, atirou João Ilídio Costa. Ontem à noite em Santa Eulália, o candidato do PS à presidência da Câmara de Vizela destacou ainda a equipa que o acompanha na sua lista. No elogio tecido ao seu número dois, Dora Gaspar, disse: “É, indiscutivelmente, o melhor elemento que temos na Câmara, sem desprimor para os outros”.

Candidato quer Jantar de Gala da Lasa longe da política

Aos presentes, João Ilídio Costa sentiu ainda a necessidade de falar sobre o Jantar de Gala que o Grupo Lasa promove este sábado e que prevê a distinção de cerca de 250 colaboradores. “Eu serei um deles. Não preciso de puxar dos galões. Estive 41 anos na empresa e por ser braço direito do Sr. Armando Antunes, este entende que devo ter uma distinção mais especial. Falo nisto, porque já se houve falar muita coisa, mas não vou permitir que se toque na política neste evento. É apenas uma questão de reconhecimento profissional”.